segunda-feira, junho 29, 2009

Jovem morre em acidente de moto na Br-040

Em um acidente no quilômetro 53 da Br-040, sentido Juiz de Fora, próximo ao Hotel Vale Real, o jovem comerciante Plínio Barenco, de 35 anos, acabou morrendo ao deslizar e cair com uma moto CBR 1000 cilindradas, placa KNU 8412. O Corpo de Bombeiros chegou a ir ao local, mas o jovem já estava sem vida.

De acordo com a polícia, o jovem trafegava em velocidade permitida pela lei, além de estar usando todos os equipamentos de segurança e possuir carteira. Ele teria escorregado na pista e caído, batendo no guard-rail e falecendo na hora.

O local foi preservado até a chegada da perícia. O corpo foi levado para o IML e será sepultado hoje, às 9h, no Cemitério de Itaipava.
Fonte: Diário de Petrópolis

14 comentários:

Anônimo disse...

Infelizmente a informação não é verdadeira em relação à velocidade. Estava retornando de Juiz de Fora com minha família , na pista sentido Rio, quando passaram por nós uns 5 ou 6 motoqueiros em altíssima velocidade. Ainda fizemos comentário a respeito. Como já havíamos planejado passar em Pedro do Rio utilizamos o retorno que fica em frente ao castelo de Itaipava. Um pouco antes de chegar no trevo de Pedro do Rio e logo após uma curva vimos um homem sinalizando e pedindo que fôssemos devagar. Na hora imaginamos algum acidente com um dos motoqueiros, o que infelizmente, confirmamos. Nem paramos pois minha mãe e esposa ficaram muito abaladas, além de já haver várias pessoas de outros veículos ajudando. Só estou comentando aqui para que jovens parem e pensem um pouco antes de cometerem loucuras, pois a mãe e familiares com certeza nesse momento, estão sofrendo bastante. Minhas condolências.

Anônimo disse...

Covarde, deixe seu nome e contato da proxima vez.
O cara estava indo trabalhar. Como podes ter certeza que ele estava no meio dessas 5 ou 6 motos? Pq não havia motoqueiros quando eu estava lá, será que eram tão covardes como você e fugiram? Informações como esta só devem ser ditas com provas imbecil.

Ricardo disse...

Acho sua informação um tanto quanto estranha, até porque se vc queria ir para Pedro do Rio, deveria ter entrado na cervejaria, e não ter ido até o Castelo.

Anônimo disse...

Era amiga da vítima, e ainda estou sem acreditar. Ele era uma pessoa querida e muito responsável, pois além de ter a vida inteira pela frente, tinha uma família linda que o amava muito.
Tenho certeza que foi uma fatalidade, e não uma irresponsabilidade. Ficam meus pêsames para a família.

Anônimo disse...

Vejam só, o fato de motoqueiros com motocicletas acima de 900 cilindradas que vão para a BR 040 andarem a altissima velocidade por diversão é um fato. Não sei se este rapaz desta moto acima estava correndo, porém outro dia quando ia na altura de areal em sentido a Juiz de Fora a +- 110 por hora de carro, passaram por mim 4 destes acima de 190km/h (eu calculo pela velocidade que passaram por mim). E hoje, dia 27-09-2009, voltando de itaipava em sentido ao Bingen, vimos um destes logo apos o acidente estirado no chão morto, o que chocou muito minha familia que estava dentro do carro. Acho que esta na hora das autoridades tomarem alguma providencia, por que por enquanto eles estão morrendo sozinhos, por sorte dos outros motoristas que estão com suas familias a passeio na região, mas não sei por quanto tempo!!

berny disse...

Eu vi o acidente pelo retrovisor do meu carro e ele devia estar há uns 200 metros atrás.

Era uma curva aberta e tinha uns caminhões a direita. Só lembro que 2 amigos dele passaram por mim e depois fiquei atento no retrovisor para ver se vinha mais.

Nessa hora só ouvi um barulho e a moto me parece amarela girando e o corpo dele deslizando na pista. Eu até agora estou em choque e nem consegui dormir direito com a cena a noite pois nunca tinha visto isso.

Deixo um recado a família que não vi o momento exato da queda mas achei estranho pois eles me pareciam bem experientes, então pode ter sido um poça de óleo. Ficar em cima de perícia e das testemunhas chaves é fundamental. Vistoriar marcas de um possível toque na carroceria da moto e ver depois imagens do pedágio lá embaixo pra ver se confere alguma marca.

Meus pêsames a todos os amigos e parentes.

att: bernardo corrêa

Gustavo disse...

Ow, foi eu que escreveu essa matéria. Quero os direitos autorais.

Gustavo Melquiades

Anônimo disse...

Obrigada por defenderem o Plinio não sei quem foi mais com certeza era um de seus grandes amigos, amigos de verdade, amigos que sofrem com sua falta, Uma pessoa maravilhosa, honesta, feliz que por uma fatalidade não irresponsabilidade nos deixou, sentimos falta do seu jeito amigo
sempre vamos lembrar de você.

Anônimo disse...

sou motociclista e sei que numa 1000 não se anda devagar então vamos deixar de ser demagogos e concordar que se estivese cumprindo a velocidade regulamentar einda estaria no nosso meio

Anônimo disse...

para todos eu vi o momento em que ele caiu estava bem rapido.
+ ou - 150,pq ele entrou na curva bem deitado e quando estava saindo da curva a moto saiu de traseira e arrastou uns 20M e bateu no guard-rei,e o capacete saiu e a moto imprenssou ele no guard-rei e infelizmente estourou o cranio.
eu sei disso pq trabalho em frente na cervejaria e estava indo almoçar na hora em que ele passou na br 040 e olhei para ver a moto passa e ai...
meus sentimentos para familiares,fiquem com Deus.

Anônimo disse...

ontem 24/6/2012 estava indo para itaipava quando passaram em sentido jf uns 6 a 8 motoqueiros desses que todos vemos passando nos domingos em altissima velocidade um deles bateu e morreu no viaduto de pedro do rio nao e o primeiro nao sera o ultima se as altoridades tomarem providencia peço a deus pela alma dele e que os outros parem de se matarem e a inocentes.

Anônimo disse...

eu estava passando um pouco depois do acidente e fiquei chocado com a cena,so tenho a diser que deus conforte a familia do rapaz, e tenham forças eu lhes falo porque passei pela mesma situação quando perdi meu pai nessa mesma br040 ,confiem em deus para confortar seus corações.

alexsandro disse...

nao podemos mais ser irresponsaveis pois passo de moto na 040 todos os dias e sei o quanto ela nos estiga a correr pois e uma estrada muito regular e nos fins de semana eles passam em altissima velocidades esta na hora de revermos se nossa vida vale menos que um passeio de moto acho que nao vamos ser mais responsaveis pois la tem mais vidas alem das suas meus pesamos a familia

Anônimo disse...

Bom.. perdeu a cabeça!